Coxa grossa e calça colorida PODE SIM =)

Posted on

Quando eu comecei a me interessar por moda de uma maneira mais profissional, lembro que eu era obcecada por essas regrinhas de usar isso ou aquilo para parecer mais magra/alta, disfarçar barriga, disfarçar quadril, disfarçar coxa grossa, disfarçar braço grande… ou seja, esconder coisas que, na real, nem precisam ser escondidas!

Li muito, fiz cursos, estudei e fiquei craque nesse lance de “parte de baixo neutra e parte de cima colorida para afinar as coxas”; “cintura alta com peito grande não pode” e por aí vai.

Na verdade, o que me fascinava era o poder que as roupas têm de nos transformar. Essa coisa da comunicação não verbal, de poder ser uma pessoa diferente a cada dia, de acordo com o que escolho vestir. E esses

Mas, depois de algum tempo, perdi totalmente o tesão em fazer isso. Porque, apesar de ser legal você encontrar maneiras de aparentar ser mais gorda/magra/alta/baixa/gostosa  – seja lá qual desses é o seu objetivo – chega uma hora em que você vai querer usar algo que “não é adequado para o seu tipo físico” e aí fica tudo um saco.

Hoje em dia a maioria das coisas que gosto de usar – teoricamente – não ficariam bem em mim. Mas eu uso e gosto. Então, qual é realmente o problema?

Daí pensei em postar aqui no blog alguns looks que se encaixam nessa situação e criar uma tag #PODESIM  \o/

Para estrear, ao invés de um jeans escuro de corte reto, uma calça colorida/chegay que não disfarça nadinha as minhas pernas grossas (e minhas coxas são um troço que me incomoda muito).

Mas que saber? Eu amo essa calça ♥

calca-vermelha

calca-vermelha

calca-vermelha

espadrille

calca-colorida

calca-colorida Calça Hering / Top Laundry / Sandália Cervera Alpargateria / Bolsa Renner / Óculos Ray Ban

E vocês? O que vocês gostam de usar e gritar PODE SIM?

😀

5
  • Compartilhe  →

Look do dia: Todo o meu amor pelas jardineiras ♥

Posted on

 

Desde o ano passado, quando comecei a ver essa volta do estilo 90’s à moda, fiquei obcecada por jardineiras. Queria um modelo em jeans, um colorido, um estampado, um de bolinhas…

Aí um dia eu vi essa jardineira no site da Farm e pirei! Era a coisa mais linda do mundo e eu precisava dela no meu closet a qualquer custo. Mas broxei quando vi o preço: quase 300 dilmas.

Tratei de tirar esse amor da cabeça e seguir com a minha vida. Foi difícil mas eu (quase) consegui esquecer a jardineira. Aí uns meses depois eu estava passeando pela Vila Madalena e passei na frente da Farm. Resolvi entrar pra dar uma olhadinha e quem estava lá? A minha jardineira EM PROMOÇÃO por 90 dilmas!!!

Levei, claro e fotografei o look porque esse vale a pena ficar registrado 🙂

IMG_2538

IMG_2497

IMG_2474

IMG_2488

 

IMG_2507

IMG_2506

IMG_2502

 

 Jardineira Farm / Regata Farm / Sapatilha Mr Cat

Óculos BleuDame / Batom MAC (Pink Noveau)

E vocês meninas, curtem essa volta das jardineiras? Ou estão deixando o look só pro job na oficina mecânica? Quero saber! 😛

6
  • Compartilhe  →

Chemisier básico do dia

Posted on

Postei essa foto no Instagram e as meninas comentaram “você emagreceu?”

Não, gente. Não emagreci. Mas o chemisier dá essa impressão mesmo.

E só resolvi postar aqui para dar a dica do dia: esse modelo da foto ainda está à venda na Renner, por apenashhh R$ 99,00.

O chemisier é uma camisa mais compridinha, usada como vestido. É uma peça básica, daquelas que todo mundo precisa ter. Arrumadinho quando usado com acessórios mais sofisticados, e informal quando usado com sapatilha ou chinelinho.

Na foto, além da peça que motivou esse post, estou uando sapatilhas da Renata Telles e óculos sobre os quais já falei aqui.

😀

Ah, e repararam na minha escova cacheadinha? To viciada nessa escova de Dary lá do Chic Coiffeur! Maravilhosa pra quem não gosta de escova lisa!

4
  • Compartilhe  →

Oncinha

Posted on

Eu aaaamo uma estampa de onça. Isso desde que era “brega” a tal da oncinha.

Agora o tal animal print é tendência, é moderno, é “in”.

Acho um saco quando uma coisa que eu gosto vira modinha, porque banaliza geral. Mas não é por isso que vou deixar de usar, né? Além do mais, o fato de “estar na moda” facilita o acesso. Fica bem menos trabalhoso encontrar as coisas, e as opções são muitas.

Essa mini explicação foi só  para dizer que amo muito esse vestido do post de hoje. Usei no dia que fui dar entrevista sobre acessório de cabelo lá na Sim TV, e aproveitei pra tirar umas fotos pra postar aqui.

To precisando mudar o local das fotos né? Sempre a mesma parede tá cansando já. Mas é o lugar onde a luz é melhor 😀

Vestido: Bain Douche

Brincos: S Design

Anel: (roubado de Gabi, mas é da Spicy kkk)

Bolsa: Arezzo

Sapato: C&A (super achado, custou tipo R$ 59,90 e parecem aqueles sapato de dançar tango! Amo!)

18
  • Compartilhe  →

Modernizando o look

Posted on

De vez em quando você olha fotos em blogs e revistas de moda, acha os looks incríveis, e quando tenta vestir algo parecido não fica tão bacana? Daí você se pergunta “como é que essa moça, só de jeans e uma blusinha bem normal, ficou com esse ar moderno e descolado?”.

Simples. Mesmo no mais básico dos looks que você vê em fotos, tem uma série de detalhes que fazem toda a diferença. O caimento certo da roupa, a lingerie que não marca, um cabelo bacana e maquiagem idem…

E tem um truquezinho que não é mais novidade pra ninguém, mas que eu não vejo as meninas usarem muito aqui em Natal: dobrar a barra da calça.

Foto: Patricia Koslinski

A moda de dobrar a barra começou (ou voltou?) há mais de um ano, com a explosão do estilo Boyfriend.

Com as calças dois números maiores que o manequim – ou a calça do namorado mesmo – as mulheres começaram a levantar a barra. Mostrar o tornozelo e as sandálias, era o contraponto feminino no visual.

Katie Holmes com a inseparável calça do Tom Cruise

Dos jeans boyfriend, a barrinha dobrada “pegou” em todas as outras calças. Das skinnys à alfaiataria. E tem funcionado como um “modernizador instantâneo de look“.

Faça o teste: vista um jeans e uma camiseta básica, calce uma sandália e olhe-se no espelho. Depois vire a barra da calça, deixando um pedacinho do tornozelo à mostra, com uma sandália bem bonita. É outra coisa , não é?

O único cuidado é não dobrar demais a barra. Não queremos nada parecido com a famigerada calça capri, ok? É só pra mostrar o ossinho do tornozelo, e pronto!

Veja mais looks legais com a barrinha dobrada para se inspirar:


E por último, a belíssima Penélope Cruz, toda dama de vermelho, mostrando como fica linda a barrinha dobrada também em ocasiões mais elegantes:

Um tecido molinho como esse da calça da Penélope, é mais difícil de dobrar porque não “segura” como o jeans. Então tem um jeitinho de dobrar que eu faço nas minhas calças de alfaiataria, que as meninas da Oficina de Estilo ensinam aqui.

5
  • Compartilhe  →